(84) 99605-4179

Morreu neste domingo (13), o sanfoneiro e compositor Zé Calixto

Aos 87 anos, o instrumentista, considerado uma referência na música nordestina, enfrentava problemas de saúde e morreu no Rio de Janeiro, cidade onde residia há décadas.

Nascido em Campina Grande, Zé Calixto é uma referência quando o assunto é a sanfona de oito baixos, instrumento clássico e de difícil manuseio. Ele começou a tocar aos oito anos de idade e aos doze já se apresentava sozinho em bailes e festas da Rainha da Borborema, onde era atração cativa durante a programação d’O Maior São João do Mundo.

Ao longo de sua trajetória musical, Zé gravou mais de 25 LPs e 4 CDs, marcando a história da música nordestina ao lado de nomes como Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro e Genival Lacerda.
Após alguns dias de internação, o artista morreu em uma unidade de saúde da capital fluminense, vítima de desdobramentos da Doença de Alzheimer. O sepultamento também ocorrerá no Rio de Janeiro.

No início de sua carreira ele fez parte da História dos forrós nos sítios de São José do Sabugi-Pb, Onde no passado era protagonista de Várias festas na Fazenda Malhada Vermelha de Seu José Lucas, Na Fazenda Floresta de Bidú Simplício entre outros, Onde contribuiu um laço afetivo de grande importância.

Partiu desta terra no dia Nacional do Forró, Aniversário do Rei do baião Luiz Gonzaga. Que por sinal eram muito amigos.

Fonte: Tv Social Mídia